Empreendedorismo

Como fazer quentinhas para vender

Top receitas
Escrito por Top receitas em junho 24, 2020
Junte-se a mais de 45.765 mil pessoas

Entre para nossa lista e receba receitas exclusivas e com prioridade

Que comida dá dinheiro todo mundo já sabe. Mas o que muita gente não sabe, e talvez até você mesmo, é como explorar a fundo esse que um dos negócios mais rentáveis do planeta.

As quentinhas revelam bem isso, mesmo tendo um público que só cresce, muitos vendedores se perdem por não saberem como fazer quentinhas para vender.

O problema já começa pelo básico: a pessoa se esquece que não é apenas uma vendedora ou uma cozinheira. Ela é também uma empreendedora. Por consequência se perde nas contas, produz demais ou de menos, atrasa nas entregas…

São detalhes pequenos que vão desde de um bom tempero a uma entrega pontual que separa uma empresária bem sucedida dona de uma marmitaria, de alguém que desistiu na primeira frustração. Qual dos dois você quer ser?

Neste artigo separei os pontos chaves para começar a produzir e vender de verdade, pois se você quer começar com pé direito e está  disposta a vencer qualquer pepino no meio do caminho irá precisar de instrução.

Então vamos?!

Regularização

Não pense que ao trabalhar em casa não há necessidade de se regularizar, sei que parece complicado e caro. Mas hoje se tem muitas formas de regularizar um negócio com pouco custo. Você pode está criando um MEI (Micro Empreendedor Individual) para ter os benefícios de uma empresa com CNPJ.

Conforme seu negócio for crescendo a abertura do MEI será ainda mais necessária, pois uma pessoa física por lei não pode ter uma média salarial de 60 mil reais sem comprovação de renda. Portanto fique atenta!

Como fazer quentinhas para vender sem planejar?

Fazer você até pode, o problema é que não dará certo.

Planejar é criar soluções antes de ter problemas, não se esqueça disso.

Pegue um caderno e escreva as ideias iniciais que você pensou para sua empresa, elas precisam está respondendo a seguinte pergunta: como eu quero que seja a minha empresa? Isso é fundamental pois você estará organizando ideias e ao mesmo tempo estabelecendo metas.

Se você já fez isso, com certeza a sua mente abordou outras questões: eu quero que seja assim… mas como farei para fazer isso? Por onde eu começo? Faço muita ou pouca comida? Terei clientes? E se tiver prejuízo?

 Vamos com calma, pense uma coisa de cada vez.

Definindo negócio

Primeiro passo defina qual tipo de negócio está disposta a investir.

Você já tem em mente trabalhar com quentinhas, ótimo, contudo há duas formas de trabalhar com elas:

1- Marmitaria

2- Delivery

Cada uma apresenta situação e poder aquisitivo diferente. Enquanto a primeira representa um investimento maior como geralmente é iniciada por quem já se fixou no mercado, a segunda sai mais em conta, abrindo espaço para quem está começando agora ou a pouco tempo.

Então se você está no começo e quer fazer comida para vender  utilizar o método de serviço Delivery é tire queda.

O que você vai precisar para fazer quentinhas para vender

Alguns recursos serão necessários para fazer suas quentinhas, a maioria com certeza você já deve ter.

  • Utensílios: Materiais de cozinha (panelas, conchas,etc), mesa, fogão, pia, freezer. Inicialmente comece com aquilo que você já possui, se por acaso não tiver como por exemplo o freezer dá para se virar com o congelador da geladeira mesmo. Contudo o mesmo será reposto com frequência. O mesmo ocorre com o fogão, no início comece com o doméstico, afinal um fogão industrial é bem mais caro.
  • ajuda: Se até a Ana Maria Braga tem o louro José. Por que você acha que vai conseguir trabalhar sozinha? Afinal de contas você irá trabalhar produzindo e entregando marmitas, provavelmente não vai conseguir dar conta de tudo. Peça ajuda a amigos e parentes, negocie o valor dessa “ajuda” com eles.
  • ambiente limpo: Embora seja um tanto óbvio, é muito importante reforçar que o ambiente deve está sempre limpo e organizado. A limpeza é determinante na qualidade do produto, já a organização otimiza tempo. E tempo é dinheiro!
  • embalagem: A vedação, e a capacidade em manter a temperatura são fundamentais. O cliente leva muito em consideração a temperatura da comida, até porque ninguém merece comida fria. Arrume a comida de forma uniforme e tome as devidas precauções ao arrumar a quentinha assim ela não vai chegar na mão do cliente  toda “amassada”. Entendeu a necessidade de uma boa embalagem?
  • motocicleta: Use a sua moto ou contrate um motoboy que ofereça o recurso.

Como fazer a quentinha do gosto do meu cliente

O típico arroz e feijão não sai de moda, eles também levam mais tempo para serem cozinhados. Faça uma quantidade maior para eles e reserve, conforme os pedidos forem chegando você vai repondo.

Alimentos mais caros devem ser comprados em menor quantidade, ninguém quer perder um filé não é verdade? Haja com esperteza, compre conforme a demanda for chegando.

Seu cliente é o seu principal foco, avalie o que ele mais gosta de consumir. No entanto quando se está começando principalmente o bolso pede atenção, confira a época do ano e veja quais produtos saem mais baratos. Assim seu cardápio irá aumentar sem que você sofra.

Não estou dizendo que deve ficar só no básico, apenas que comece moderado e vá evoluindo conforme o seu empreendimento. Por isso se você quiser ter um grande número de receitas mesmo sem ser um chef pode ocupar tempo pesquisando mais receitas espalhadas pela internet ou aprender com um e-book de marmitas delivery.

Vendas

As vendas ocorrem antes, durante e depois da compra. Se você já sabia disso parabéns já tem uma base para ser um bom vendedor. Caso o contrário precisa mesmo estudar mais sobre o assunto.

Vender é o seu objetivo. E você deve fazer isso meses, ao menos semanas antes de iniciar produção. Como assim as pessoas vão comprar de mim sem eu ter feito nada ? De certa forma sim, elas irão comprar a sua ideia. Propague a ideia entre amigos, familiares, redes sociais informando a todos que em tal dia irá iniciar sua atividades.

Panfletagem também é uma boa opção, até porque certamente você já deve ter ouvido que “propaganda é a alma do negócio”! Então se você não quer colocar suas quentinhas para vender, o seu público precisa saber.

Faça uma análise de concorrência, dos preços do mercado. Sabe aquele planejamento que não pode faltar? Então… ele entra aqui também, pois isso interfere nas suas vendas.

Após iniciar a produção, faça questão de manter relação com seu cliente. Se ele comprou uma vez e continua comprando isso quer dizer que o seu trabalho está sendo bem feito, e com certeza ele fará propaganda gratuita para você.

Tenha em mente que Marmitex é lucrativo, seu potencial de lucro alcança 100%. Quantos negócios você conhece que possui esse potencial? Explore a fundo. Embora seu empreendimento com quentinhas comece pequeno ele deve sim crescer, de tal forma não tenha medo de investir na hora de alcançar o sucesso.

Quero saber mais

Se você leu este artigo até o fim, já deve saber duas coisas: Montar um negócio não é tão simples e que tempo e dinheiro devem ser investidos com atenção, afinal eles estão interligados. Quer saber mais como fazer a suas quentinhas para vender de uma forma completa abordando receitas, produção e vendas sem precisar visitar vários sites?  Ganhando tempo e gastando pouco dinheiro? Então clique aqui ou no botão abaixo para ver esse e-book incrível:

Olá,

o que você achou deste artigo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *