Empreendedorismo

Comida para vender

Top receitas
Escrito por Top receitas em junho 24, 2020
Comida para vender
Junte-se a mais de 45.765 mil pessoas

Entre para nossa lista e receba receitas exclusivas e com prioridade

Hoje, o nosso blog veio com ideias para ajudar você  dona de casa que precisa de uma renda extra ou quem sabe algo que venha a ser sua principal fonte de renda.  

Quer saber como colocar a sua comida para vender? Como assim não tem certeza se quer trabalhar com isso? Então veio ao lugar certo!

É querida, a coisa não está fácil, dados atualizados do IBGE informam 13,1 milhões de desempregados. Isso é mais que a população do Rio Grande do Sul! Por consequência a informalidade cresceu extremos, e quem quer se manter neste novo cenário precisa de muita garra e conhecimento a cerca do que se quer investir. 

O que pode dá tanto dinheiro quanto comida? Com pouco custo é difícil pensar em outra coisa; as opções são gigantescas: bolos, salgados, doces, espetinhos, entre outros. Porém se você é uma pessoa determinada que quando põe uma ideia na cabeça vai até o fim, pode começar com algo diferenciado como é o caso das famosas “quentinhas” ou marmitas. 

As contas não deixam mentir com Marmitas Delivery o índice em lucratividade chega a 100%. 

As pessoas estão correndo demais tentando se manter,  a maioria não possui tempo nem para se alimentar direito que dirá fazer a própria refeição. Essa é a sua chance de suprir a necessidades delas e também a sua. 

Como fazer a sua comida para vender?

O primeiro passo para entrar em qualquer negócio, é esquecer essa crendice “é difícil não dá pra fazer”, independente de ser difícil ou não, tentar é o que realmente traz resultados. 

Acreditar no seu trabalho é a melhor forma de conquistar sucesso. O início principalmente será mais complicado pois lhe falta experiência, cartela de clientes; lembre-se que isso se constrói com o tempo.

Alguns aspectos que precisam ser observados

Pessoas

Como já disse o passo mais difícil é o primeiro, por isso sempre procure estar com as pessoas certas.

Trabalhar em casa, onde geralmente se começa um negócio com marmita, exige certos cuidados porque as distrações são muito maiores que em um ambiente formal. Portanto as pessoas que você escolher trabalhar precisam estar cientes das suas metas e estarem dispostas a alcançá-las. 

Conte com pessoas próximas, familiares, amigos dispostos a ganhar uma renda extra. Se futuramente, quando o negócio deslanchar, aí então se deve levar em consideração a ideia de contratar mão de obra. 

Ao começar um negócio é importante ter com quem contar!

Ambiente

O ambiente de trabalho precisa estar sempre limpo e bem conservado, já que agora a sua cozinha não será usada apenas para preparar simples refeições, ela será o ambiente onde  a sua comida para vender será preparada.

Tendo em vista que os itens necessários são utensílios domésticos o fogão, mesa e utensílios (colher, garfo, conchas, panelas etc…) geladeira, freezer, pia, que a maioria das pessoas tem em casa, e por isso poderá começar sem grandes investimentos. 

Cardápio

Tenha um cardápio atrativo pensando nos gostos do seu público alvo. Faça uma pesquisa sobre o que as pessoas mais gostam de comer nas refeições, pode até mesmo questionar conhecidos, parentes; perguntar a eles que prato eles pagariam de olhos fechados. 

Não precisa ser aquele cardápio gigantesco, lembre-se que é ainda o seu começo tenha um bom menu mas não algo que  lhe trará prejuízo. Pois há alimentos perecíveis, e depois de vencido nem um alimento pode ser aproveitado. Pode começar com um único prato ou dois se sentir mais à vontade.

Cozinhe com paixão!

A comida transfigura o sentimento do seu criador, se você não sabe cozinhar ou não sente prazer ao cria-la. Sugiro que procure por alguém que saiba fazer isso,  Com um bom tempero se fideliza um cliente, e o transforma em um propagador do seu trabalho. Essa, minha cara, é a melhor propaganda de todas!  

Como ganhar dinheiro com comida para vender?

Um produto por melhor que seja não se vende sozinho, certo? Com a comida não muda muita. Neste sentido alguns pontos devem ser observados quando for colocar sua comida para vender.

Divulgação 

A divulgação é essencial em qualquer negócio, mesmo que a sua comida seja muito gostosa, não vai adiantar nada se as pessoas não conhecerem o seu produto. Invista em panfletagem, no boca a boca, antes mesmo de começar, aguçe a curiosidade dos seus clientes em potencial. 

As pessoas precisam conhecer o seu trabalho só assim irão deseja-lo! 

Como você deve saber o serviço delivery é um destaque quando se trata de comida, divulgue o produto e o serviço de entrega. Não esquecendo de deixar um número de contato.

Mercado

Ao ser selecionadas as comidas para vender no cardápio, você terá uma nova pesquisa. Claro, isso se quiser aumentar sua expectativa de lucro.

Pesquise os lugares que oferecem o melhor preço, atacado tende a ser mais vantajoso, mas o ideal mesmo é pesquisar os melhores preços. 

Outro ponto verifique a validade dos produtos, tenha sempre certeza que não irão vencer a curto prazo ou pior que já estão vencidos. Quem já provou da raiva de comprar um produto vencido no mercado, certamente sabe do que estou falando.

Serviço Delivery

Quem trabalha com marmitas sabe que o serviço delivery potencializa as vendas, o custo vai valer a pena se um limite de rota for traçado levando em consideração o tempo e o custo. 

Há duas opções de como fazer entregas delivery: 

1° – Fazer suas próprias entregas
2° – Contratar o serviço de um motoboy

A segunda opção sempre indico mais aos que não possuem um veículo próprio, neste caso você deve negociar com ele um valor a ser pago pré-estabelecido mensal ou um valor mais baixo para cada corrida. 

Outro ponto são as suas embalagens precisam ser de qualidade afinal a sua comida não pode esfriar durante a entrega, certo?

Análise da concorrência

Ao colocar a sua comida para vender, o preço deve está acessível e em uma faixa boa pelo da concorrência.  Você sabe que vendendo comida a lucratividade alcança 100% o seu concorrente também tem ciência disso. Se quer começar bem a empreender, estude a sua concorrência!

Não é nada feio querer melhorar, estudar o concorrente é uma excelente estratégia. Avalie seu pontos fortes e fracos, veja o que você tem acrescentar. 

Vender

Após seguir todos as dicas anteriores, vender será uma consequência.

Sei que este é seu principal objetivo, nem deve deixar de ser, mais pensar no cliente e os benefícios que o seu trabalho está levando à ele, será muito mais proveitoso. 

Seja eficaz na produção, eficiente em entregas, conquiste seu público e irá alcançar sonhos e metas!

Conhecimento é fundamental para ter o tão merecido lugar no mercado. Quer se especializar? Ficar por dentro de receitas, técnicas e dicas? Parece mentira mas tudo isso está reunindo no e-book “De 2 mil a 5 mil com Marmitas Delivery”,  clique aqui ou no botão abaixo.

 

Olá,

o que você achou deste artigo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *